processo criativo e links para meus textos autorais

Artista:

última atualização: 12.03.20

“Sentia vontade de chorar, mas não saía lágrima alguma. Era só uma espécie de tristeza, de náusea, uma mistura de uma com a outra, não existe nada pior. Acho que você sabe o que quero dizer, todo mundo, volta e meia, passa por isso, só que comigo é muito freqüente, acontece demais.” #bukowski

eu não sei como funciona o processo criativo de vocês, mas o meu tem um ponto bem peculiar. quando escrevo textos mais técnicos, narrações ou traduções sou super atenta, formal e focada— lembrando sempre que não sou tradutora profissional, faço apenas por hobby e aprendizado.

mas quando…


em eterna (des)construção

A Virgem (1913) por Gustav Klimt

“Através de mitos, estereótipos e papéis de gênero, o amor romântico perpetuou a desigualdade estrutural de nossa sociedade em duas classes, que são relacionadas com base na dependência mútua. É por isso que acredito que o romantismo foi e continua a ser uma ferramenta de controle social do poder patriarcal para influenciar e construir as emoções e sentimentos da população, especialmente a feminina.

- Coral Herrera

Quem somos nós?

A é uma revista online colaborativa em português voltada para todas as formas de não monogamia, feita por e para nós mulheres. …


poema de 2020

Photo by on

sinto me triste e absorta nas minhas próprias sombras
e isso dói fisicamente.
sinto o peso do vazio no coração,
vontade de arrancá-lo,
vontade de não ser ninguém.

mas infelizmente eu já sou alguém
com outros alguéns ao redor de mim
me amando, me odiando,
querendo meu bem e meu mal,
seguindo vivos pelo mundo.

mas sou eu uma little zombie
meu corpo feminino e cercado de prazeres
minha inteligência e humor sarcástico.
tudo isso não existe
por eu não existir mais.

para além de qualquer metafísica
ou análise quântica dos meus traumas e segredos
dos ocultos que ninguém tem acesso
dos lados…


Tradução do texto “de Coral Herrera Gómez

David Walker — The Kiss

No , falamos muito sobre a necessidade de ter um parceiro e como é difícil não sonhar em ter um parceiro com quem compartilhar a vida. Muitas de nós somos mulheres autônomas e empoderadas que vivem sozinhas, são economicamente independentes e possuem uma boa rede de afetos. …


Tradução e adaptação do artigo “” do site

Photo by on

“Você acha que poderia voltar a ser monogâmica?”

Às vezes me perguntam. Talvez. Realmente depende do que você está se referindo quando fala sobre monogamia.

Eu poderia me limitar a fazer sexo apenas com um parceiro? Certamente. Não é tão difícil assim. Masturbação e imaginação podem ser bastante satisfatórias. Um pouco de autocontrole e cautela. Nada demais.

Mas se isso significar que eu não poderia criar conexões com as pessoas, ser emocionalmente mais vulnerável a elas? De jeito nenhum.

Infelizmente, muitas pessoas monogâmicas consideram uma variedade de comportamentos de conexão social como “traição”. Não há amizade com membros do sexo…


só escrevo sobre as coisas que doem

Photo by on

não sou poeta,
só escrevo sobre as coisas que doem.

as que sufocam,
sobre as quais não quero falar,
que fazem eu preferir o vazio do sono
do que o preenchimento da vida.

no profundo silêncio da madrugada
encontro o vazio desperto
dos sonhos sem sentido
das vontades irrealizáveis.

da poesia inacabada,
interrompida pelos primeiros raios de sol.


Conheça os textos mais aplaudidos do ano!

Estava lendo a e lembrando quanta coisa aconteceu nesse último ano. Nossa revista cresceu muito, ganhamos novas colaboradoras fantásticas, fizemos parcerias com outras páginas sobre não monogamia, criando uma comunidade que está constantemente pensando sobre as nossas vivências e o sistema monogâmico.

Citando uma das autoras preferidas, Brigitte Vasallo, a não monogamia “não é a quantidade, é a dinâmica, é o caminho.”. Queremos aprender juntas a criar caminhos mais felizes em nossas relações — sejam elas do formato que for. Queremos dinâmicas saudáveis em nossas vidas, parcerias que nos façam sempre buscar nosso melhor. …


é vital construir outras possibilidades relacionais além do casal que sejam reais e realizáveis

Photo by on

Tradução e adaptação do artigo “” de Lizarralde de Maune

Quando falamos sobre relacionamentos no feminismo, o conceito de casal geralmente monopoliza o território: o perigo do amor romântico, como construir relacionamentos amorosos mais saudáveis, poliamor, o reconhecimento de várias orientações sexuais e modelos de casais… Casais, casais, casais. É dado como certo que existe um desejo inato de acasalar, que é o natural, o normal. A chave é conseguir combinar “bem”.

Assim, o espaço que damos à solteirice é anedótico. Tampouco existe uma definição aceita do que significa ser solteira: desde não ser casada até não ter…

An(n)a E.

psicóloga social . devops em formação . fotógrafa de cemitérios . editora da revista Sororidade Não Mono .

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store